Menu auxiliar

Universidade oferece curso de jornalismo gastronômico

qui, 21/07/2016 - 15:46 | logomotiva

Estudantes interessados em usar a comida como porta de entrada para descobrir e entender culturalmente a sociedade já podem ingressar em um curso dedicado ao jornalismo gastronômico no Rio de Janeiro. O curso tem início neste sábado (16) e é oferecido pela Faculdades Integradas Hélio Alonso (Facha).

Apesar do nome, o curso é aberto para alunos de outros cursos. De acordo com Juliana Dias, jornalista e membro do Conselho de Segurança Alimentar do Município do Rio de Janeiro (Consea-Rio), há um “esforço interdisciplinar” no tema trabalhado no curso (confira a entrevista abaixo). O curso ainda recebe um chef de cozinha que terá o papel de mostrar o papel da comunicação na gastronomia aos inscritos.

Cada aula do curso custa R$ 175 e as aulas serão ministradas a cada sábado a partir do dia 16 de agosto. Ex-alunos da Facha ganham desconto no valor.

Entrevista com Juliana Dias, jornalista e membro do Conselho de Segurança Alimentar do Município do Rio de Janeiro (Consea-Rio):

O curso é de jornalismo gastronômico. Mas ele é aberto somente a estudantes ou formados em jornalismo ou é possível que um aluno de outro curso possa ingressar? É possível a participação de alunos de outros cursos porque o tema alimentação toca em diversas área de conhecimento, como História, Nutrição, Gastronomia, Biologia, Marketing, Economia. A alimentação é tema central e desafiador na sociedade contemporânea e por isso demanda esforço interdisciplinares.

O curso é recomendado para leigos em gastronomia ou é de bom tom que o aluno já tenha um certo conhecimento da área? É para leigos e interessados, pois vamos apresentar um histórico da relação intrínseca entre comunicação e comida, apontando como a literatura, a imprensa, os meios de comunicação em geral contribuíram para a formação dos hábitos alimentares, para a consolidação das cozinhas regionais de países, como a França, por exemplo.

Como é o mercado para o jornalista gastronômico? A opção mais conhecida talvez seja a crítica gastronômica. Há outras áreas em que esse jornalista pode atuar? Sim, é exatamente isso que quero mostrar no curso, as possibilidades que temos para atuar com o jornalismo gastronômico em áreas como educação, políticas públicas (saúde, agricultura), marketing e comunicação popular para temas como agroecologia, educação alimentar, meio ambiente, ética. O tema alimentação demanda processos de comunicação diferenciados, que promova o diálogo e transformação da realidade. A comunicação e a cultura são categorias centrais para enfrentar os desafios atuais, como fome, obesidade e a industrialização da comida.

Te agradam os veículos e profissionais da área no Brasil? Há alguma diferença gritante entre o que é feito aqui e no jornalismo internacional? Já avançamos muito na abordagem, variando para além da crítica, e tocando em áreas como história, antropologia, saúde, entre outros. Mas temos muito a avançar para que a comunicação realmente colabore para a geração de conhecimento que promova consciência, autonomia e transformação da realidade. Acredito que a comunicação precisa sentar à mesa com as outras áreas de conhecimento que já estão se debruçando nas questões de alimentação para que a sociedade participe da tomada de decisões sobre temas como transgênicos e uso de agrotóxicos, por exemplo. A alimentação é uma lente para compreender o mundo, o indivíduo e a sociedade. A palavra e a comida vêm da mesma substância. "Elas nascem da mesma mãe, a fome", como diz Rubem Alves. Nesse caso, por conhecimento, minha inspiração para esse modelo de comunicação é o educador Paulo Freire e o jornalista e ativista alimentar Michael Pollan, que teve no Brasil para a Flip de Paraty. Quero compartilhar um pouco dessas ideias e instigar novos projetos de comunicação. Temos muito trabalhar a fazer e é importante entender a centralidade da alimentação. Comida é coisa séria. Sonho em ver a alimentação sendo tratada como uma editoria de esportes ou economia.

 

Fonte: http://extra.globo.com/noticias/educacao/vida-de-calouro/universidade-oferece-curso-de-jornalismo-gastronomico-13576697.html

Compartilhe:

Deguste as últimas novidades sobre o Maravilhas RJ

Facebook

Instagram

Tags Populares